Mensagem do Irmão Geraldo Macedo

CARTA AOS IRMÃOS


Queridos IIr.·.,


Conforme é do conhecimento da Maçonaria mato-grossense e de grande parte da sociedade, eu, Geraldo de Souza Macedo, atualmente pleiteio a 1ª suplência ao cargo de Senador da República, na chapa encabeçada pelo Ir.·. Carlos Fávaro (PSD) – Coligação “Pra Mudar Mato Grosso”.


Digo, com a sinceridade que deve pautar as palavras de um iniciado, que o convite surgiu de última hora, o prazo para resposta era exíguo e, após consultar minha família, a administração da Grande Loja e os Grão-Mestres do Grande Oriente do Brasil e do Grande Oriente do Estado de Mato Grosso, avaliando os projetos do Ir.·. Fávaro, senti-me encorajado a aceitar o desafio.


Sei bem que a política é um segmento maculado, no entanto, não podemos viver alheios a ela. Por anos sustento o discurso da Maçonaria Executiva, dizendo que a instituição deve trilhar o caminho inverso do comumente utilizado, deve “emprestar” membros de suas fileiras à sociedade, irmãos regularmente iniciados e ativos com conhecimento do ideal maçônico, ao invés de trazer para dentro da instituição os políticos já contaminados pelos maus costumes.


Nessa linha de raciocínio, negar a oportunidade que bateu à porta, seria um ato de covardia e, principalmente, hipocrisia. Após 25 anos de iniciado, acompanhando as visíveis mudanças no cenário político nacional, senti que esse é o momento de levar à Casa Legislativa a doutrina que aprendi, buscando, inclusive, unir a bancada maçônica que, atualmente, encontra-se fragilizada.


Diante disso, constatando minha sintonia de pensamentos e ideais com o Ir.·. Carlos Fávaro, em conjunto com sua promessa de alternância com a suplência para que, se o G.·.A.·.D.·.U.·. assim permitir, eu possa trabalhar de maneira mais efetiva, busco o apoio dos irmãos nesse voo para que sejam minha segunda asa.


“A esperança tem duas filhas lindas, a indignação e a coragem; a indignação nos ensina a não aceitar as coisas como estão; a coragem, a mudá-las.” – Santo Agostinho.


Conto, mais uma vez, com o apoio de todos e rogo ao G.·.A.·.D.·.U.·. que nos ilumine e guarde!
Fraternalmente,